A Ryanair lança oferta de verão com lugares a 15.99€

Galeria

A Ryanair anunciou que a partir das 00h00 de hoje irá disponibilizar 1 milhão lugares a €15.99 para viajar às terças, quartas e quintas em Julho. As reservas devem ser efectuadas antes da meia-noite de 31 de Maio. Esta oferta … Continuar a ler

Ryanair diz que “não precisa de ir ao supermercado” para encontrar descontos

Galeria

A Ryanair lançou mais uma campanha de descontos nas viagens de avião. Desta vez, a empresa aproveitou a campanha do Pingo Doce e diz que “não precisa de ir a correr para o supermercado para encontrar preços com desconto!” A … Continuar a ler

Ryanair quer hospedeiras mais magras para poupar no combustível

Galeria

A Ryanair está a incentivar os seus tripulantes a perderam peso para que a companhia consiga reduzir o combustível, uma vez que o avião mais leve gasta menos. Citado pelo Daily Telegraph, o porta-voz da companhia aérea, Stephen McNamara, diz … Continuar a ler

Ryanair volta à “CARGA” das baixas tarifas

Galeria

A companhia de Dublin volta à carga das baixas tarifas, desde 9,90 euros para as reservas efectuadas até a meia-noite do dia 29 de Março (quinta-feira) e, períodos de viagem todas as terças, quartas e quintas de Abril e Maio. … Continuar a ler

TAP lança 40 destinos low-cost

TAPAo todo são 40 os destinos europeus que integram a mais recente campanha de preços baixos da TAP, com tarifas a partir de 37 euros, por percurso.
 
Pela tarifa mais baixa, é possível voar para Madrid, Barcelona, Frankfurt, Munique, Dusseldorf, Milão, Toulouse, Lyon, Bordéus e Paris.
 
As ligações para Londres, Manchester, Amesterdão, Berlim, Bruxelas, Roma, Bolonha, Turim, Veneza, Zurique, Genebra, Luxemburgo, Málaga, La Coruña, Bilbau, Sevilha, Valência, Marselha e Nice estão disponíveis por 47 euros.
 
Voar para Viena, Atenas, Hamburgo, Copenhaga, Estocolmo, Oslo, Helsínquia, Varsóvia, Praga, Budapeste e Zagrebe é possível por 57 euros.
 
Estes preços, com todas as taxas incluídas, são válidos por percurso, para voos directos da TAP com partidas de Lisboa e Porto.

Esta campanha é válida em reservas efectuadas com cartão de débito no website da companhia aérea até 11 de Fevereiro para viagens a realizar de 1 de Março a 30 de Novembro, com excepção do periodo de 23 de Março a 9 de Abril e de 1 de Julho a 9 de Setembro.

Source: opçãoturismo

Ryanair aumenta frota em 35 aviões e anuncia criaçãoo de mil postos de trabalho

A Ryanair anunciou que este ano vai abrir cinco novas bases na Europa e aumentar a sua frota de 270 para 305 aviões este ano, criando, por isso, mil novos postos de trabalho.Este ano, a Ryanair vai abrir cinco novas bases, nomeadamente, em Billund (Dinamarca), em Palma (Espanha), em Wroclaw (Polónia) em Manchester (Reino Unido) e em Paphos (Chipre) e prevê que o seu tráfego cresça de 76 milhões em 2011 para 80 milhões em 2012.“Todos os pilotos, hospedeiras, engenheiros e pessoal de vendas e marketing interessados em candidatarem-se a uma vaga na Ryanair, a maior companhia aérea da Europa, poderão obter mais informações sobre estes 1.000 postos de trabalho no site da Ryanair em http://www.ryanair.com/ie/careers/job”, diz a companhia em comunicado.

Ryanair vai introduzir nova taxa

Ryanair-2A companhia aérea low cost Ryanair anunciou que irá introduzir uma taxa de 0,25€ por passageiro em todas as reservas efectuadas a partir de quinta-feira 17 de Janeiro para cobrir os custos da nova taxa eco-lunática da UE que irá custar aos passageiros da Ryanair entre 15m  a 20m de euros em 2012.
 
O impacto desta taxa de 0,25€ por passageiro por voo da Ryanair será menor da que irão pagar aqueles que viajam com outras companhias aéreas da UE, uma vez que a Ryanair é a companhia aérea mais verde – confirmado pelo relatório Brighter Planet de 2011 – gozando consequentemente de uma taxa inferior  às companhias europeias de bandeira.
source: opçãoturismo 

Ryanair aumenta taxas de bagagens entre 25% (online) e 150% (aeroportos)

A Ryanair anunciou hoje aumentos das taxas que cobra por volume de bagagem despachada, em 25% no check-in e pagamento online apenas nos voos em época alta (de Junho a Setembro e no Natal) e entre 50% e 150% no check-in em call center ou no aeroporto tanto em época alta como em baixa.

Embora a companhia se centre no aumento de cinco euros que aplicará apenas em época alta, já a partir de 2012, na taxa de despacho de bagagem com check-in online, a tabela que publica mostra que as taxas de check-in em call center e nos aeroportos vão ser todas mais caras.
De acordo com a nova tabela, que entra em vigor nas reservas a partir da próxima quinta-feira, 15 de Dezembro, fazer o despacho de uma bagagem de até 15 quilogramas no call center ou no aeroporto aumenta 71,4%, de 35 para 60 euros, em época baixa e em época alta sobe 150%, de 40 para 100 euros.
Da mesma forma, se a bagagem for mais pesada, tendo até 20 quilos, a Ryanair aumenta a taxa no call center e nos aeroportos em 66,7% na época baixa, de 45 para 75 euros, e em 110% na época alta, de 50 para 105 euros.
O despacho de uma segunda bagagem de até 15 quilogramas, com check-in em call center ou nos aeroportos, aumenta, por sua vez, 50% na época baixa, de 70 para 105 euros, e 68,8% na época alta, de 80 para 135 euros.
Para o check-in e pagamento online do despacho de bagagens, a tabela indica que em época baixa se mantêm as taxas de 15 euros para uma bagagem de até 15 quilos, 25 para uma bagagem de até 20 quilos e 35 euros para uma segunda bagagem de até 15 quilos.
Em época alta, despachar uma bagagem de até 15 quilos vai custar para 25%, passando de 20 para 25 euros, se a bagagem for de até 20 quilos o aumento é de 16,7%, de 30 para 35 euros, e uma segunda bagagem de até 15 quilos passa a custar mais 12,5%, aumentando de 40 para 45 euros.
Além destes aumentos da taxa de bagagem, a low cost também encareceu a emissão de cartões de embarque nos aeroportos, em 50%, aumentando o preço de 40 para 60 euros.
A argumentação da Ryanair em relação aos aumentos do check-in de passagens é que a companhia aposta em continuar a “encorajar” os passageiros a “viajarem mais leves, especialmente durante os períodos de pico das viagens”, quando se sabe é que nestes períodos que mais se concentram as viagens mais prolongadas e que exigem mais bagagem aos viajantes.
Em relação ao aumento mais forte no check-in em call center ou no aeroporto, a low cost diz que é para “encorajar o pagamento online das fees de bagagens”.
A companhia também enaltece a sua política de permitir aos passageiros viajarem sem custos adicionais com um volume de bagagem de mão de até dez quilogramas.
Há algumas semanas foi notícia na imprensa internacional que a Ryanair estava a estimular com prémios pecuniários os funcionários dos aeroportos que detectem passageiros que viajam com bagagens de mão acima desse limite de peso.
Quanto à emissão da emissão de cartões de embarque, a low cost diz que o aumento é para “persuadir os menos de dez passageiros por dia que se recusam/falham em trazer os seus cartões de embarque (apesar de emails a relembrar) para o seu aeroporto de partida, como 99,9% dos passageiros da Ryanair já o fazem”.
Daniel de Carvalho, um dos responsáveis de comunicação da Ryanair, citado no comunicado da low cost em que são anunciados os aumentos argumenta também que mais de 70% dos passageiros da companhia não serão afectados pelos aumentos, pois já não despacham bagagens.
De acordo com essa percentagem média indicada por Daniel de Carvalho e tendo em conta que na época alta deste ano (Junho a Setembro) a Ryanair transportou 30,8 milhões de passageiros, se cerca de 30% deles tivessem despachado bagagens aos novos preços, isso significaria que aproximadamente nove milhões teriam pago pelo menos mais cerca de 46 milhões de euros (considerando apenas o aumento de cinco euros do check-in online).
Em Portugal a Ryanair opera para os aeroportos do Porto e de Faro, sendo a companhia líder em ambos. Até Outubro a Ryanair transportou 1,97 milhões de passageiros em 13.074 voos de e para o Porto e 1,43 milhões em 9.526 voos de e para Faro.
No Porto, a companhia fez mais 44,9% voos que há um ano e tem mais 43,6% de passageiros. Em Faro, em número de voos o aumento é de 16,4% e em número de passageiros o crescimento é de 18,1%.
Clica para mais notícias: Ryanair

Source: presstur

Ryanair com nova rota a partir do Porto

Ryanair

A partir de 4 de Abril do próximo ano, a Ryanair alarga a sua presença em destinos franceses a partir do aeroporto do Porto, quando iniciar a rota directa para Dole.
Aquele que será o décimo primeiro destino francês a partir da Invicta, contará com voos à quinta-feira e ao domingo.

Desde o início do ano, a Ryanair já transportou este ano, de e para o Porto, 10 milhões de passageiros.