San Fermin, Pamplona

San Fermin Pamplona é a festa da cidade basca de Pamplona, na região de Navarra, Espanha. A festa começa a 7 de Julho e termina a 14 de Julho.

Faz um tributo ao Santo Padroeiro da cidade de Pamplona e tem como tema central da festa o touro.

San Fermin Pamplona é uma festa centenária onde acorrem centenas de turistas de toda a Espanha e estrangeiros.

O ponto alto das festas ocorre às 8h da manhã com a largada de um grupo de touros nas principais avenidas da cidade, enquanto centenas de pessoas correm à frente dos touros (todos os dias os touros pertencem a diferentes ganadarias), vestidos todos de branco, com um lenço vermelho ao pescoço.

Lisboa é a 23ª melhor cidade do mundo para viver

Ranking das melhores cidades do mundo para viver, de acordo com a revista “Monocle”, coloca Lisboa na 23ª posição, atrás de Hamburgo.

A cidade de Lisboa ocupa o 23.º lugar na tabela das melhores cidades do mundo para habitar, de acordo com a revista “Monocle” .

Este ranking, feito com base em critérios como criminalidade, transportes, oportunidades de negócio e conectividade, só será conhecido completamente na próxima quarta-feira.

Contudo, na edição de hoje do “Financial Times” , Tyler Brûlé, diretor da “Monocle”, revê já as cidades que estão no final da tabela:


25- Seattle
24- Montreal
23- Lisboa (Portugal)
22- Hamburgo
21- Quioto
20- Vancouver
19- Honolulu
18- Portland
17- Hong Kong
16- Fukuoka
15- Singapura
14- Barcelona
13- Auckland
12- Paris
11- Estocolmo

Fonte: Expresso

Piodão – Aldeia de Xisto

Esta aldeia lembra um presépio, pela forma harmoniosa como as suas casas, dispostas em anfiteatro, se integram na paisagem.

A aldeia surge na curva da estrada, como um pequeno presépio aninhado no fundo de uma montanha.

Toda construída em xisto, casas e ruas, forma uma linda mancha uniforme interrompida pelo azul forte das janelas e das portas de algumas das casas. Conta-se que esta nota de cor dissonante teve a sua origem no facto de que a única loja da terra só tinha tinta azul e, dado o seu isolamento, da aldeia não era fácil para as pessoas deslocarem-se a outro local.

Foi na realidade o isolamento que preservou intactas as características desta antiquíssima povoação.

Do conjunto das pequenas casas de dois pisos destaca-se a encantadora igreja matriz dedicada a Nossa Senhora da Conceição, toda caiada de branco, com os seus singulares contrafortes cilíndricos, que a população erigiu no início do séc. XIX com os seus ouros e dinheiro.

Dada a sua localização escondida no fundo da serra, Piodão foi noutros tempos abrigo ideal para foragidos da Justiça, pensando-se que aqui se terá escondido um dos assassinos de D. Inês de Castro, que conseguiu fugir à fúria de D. Pedro.


Fonte visitportugal.com

Grutas da Moeda


As Grutas da Moeda situam-se em S. Mamede, concelho da Batalha, apenas a 2 km de Fátima. A sua descoberta aconteceu em 1971, por dois caçadores que perseguiam uma raposa que se terá refugiado num algar existente no meio do bosque. Movidos pela curiosidade, entraram e percorrendo o seu interior aperceberam-se da sua beleza natural, com galerias repletas de inúmeras formações calcárias.

Durante vários meses o local foi sendo explorado pelos dois homens, permitindo a descoberta de várias galerias que se viriam a revelar de interesse científico e turístico e que hoje fazem parte da área visitável da gruta. Posteriormente, uma equipa de geólogos e espeleólogos confirmou o seu interesse científico, havendo desde esta fase e até aos dias de hoje, uma profunda preocupação na preservação rigorosa da gruta e de toda a área envolvente.

A cada uma das salas e galerias foram atribuídas denominações, sugerindo diferentes imagens: Lago da Felicidade, Sala do Presépio, Pastor, Cascata, Cúpula Vermelha, Marítima, Capela Imperfeita, Abóbada Vermelha e Fonte das Lágrimas. A extensão visitável da Gruta é de 350 metros e a sua profundidade é de 45 m abaixo da cota de entrada. A temperatura ronda os 18.º C, mantendo-se constante todo o ano.

Para mais informações clica aqui